domingo, 28 de junho de 2015

A "regra dos 30" o maior medo de quem luta contra os Incêndios Florestais

Entrevista ao Secretario Geral do Colégio de Engenheiros Técnicos Florestais, Raúl de la Calle

Em Espanha os Especialistas Florestais classificam o risco de um incêndio usando a "Regra dos 30".

  • Mais de 30 graus;
  • 30 dias sem chuva;
  • Humidade relativa do ar inferior a 30%;
  • Vento superior a 30 Km/h;

Quando essa situação ocorre, há um alto risco de qualquer foco de incêndio se tornar num grande incêndio florestal (GIF).

O declive é o mais importante dos três fatores topográficos pois tem "uma influência direta tanto no aparecimento como no desenvolvimento do incêndio", juntamente com o relevo e a exposição solar a que as encostas estão sujeitas.

O terreno pode influenciar os regimes de vento que afetarão a direção e a velocidade de propagação do incêndio, e também a existência de microclimas, como as áreas com maiores humidades relativas nas encostas sombreadas

Sem comentários:

Enviar um comentário

Arquivo do Blog